Posts

Crédito da Imagem: aleksandarlittlewolf

 

Durante visita à fábrica Arab Potash Company (APC), o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Marcos Montes, relata a expectativa de aumento das importações de potássio da Jordânia. A manifestação se deu neste sábado, 07 de maio de 2022.

A Jordânia ocupa a 7ª posição de maior produtor mundial de potássio, enquanto a APC é a oitava maior produtora mundial em volume, com mais de 2,4 milhões de toneladas de potássio produzidas por ano.

Já o Brasil é o quarto maior consumidor do produto. E de acordo com o Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), a importação brasileira de todo o fertilizante que é utilizado na produção agrícola nacional é cerca de 85%. Tratando-se especificamente do potássio, o percentual importado é de cerca de 95%.

O adubo encontra um cenário mundial de escassez que foi agravado pela guerra entre Rússia e Ucrânia. Diante disso, o governo brasileiro também planeja visitar o Egito para tratar sobre o fornecimento de adubo nitrogenado e Marrocos, onde as conversas serão sobre o provimento de fertilizantes fosfatados.

Por: Eduardo Borges Bertin

As importações de fertilizantes pelos portos de Paranaguá e Antonina, no Paraná, cresceram 12% (doze por cento) no primeiro quadrimestre, quando comparadas ao mesmo período do ano anterior. O bom desempenho levou ao aumento da movimentação nos terminais paranaenses.

Os terminais de Paranaguá e Antonina movimentaram 18.262.189 toneladas, de janeiro a abril. “Fechamos os primeiros quatro meses do ano com movimentação 1% maior que a registrada no mesmo período, em 2020. As chuvas e o atraso na chegada da soja prejudicaram as exportações, enquanto as importações tiveram alta de 12% no período”, conta o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia.

Do volume total, entraram no Brasil 7.444.115 toneladas de cargas estrangeiras em 2021. No ano passado, foram 6.628.630 toneladas. “As compras de produtos diversos, que chegam em contêiner, por exemplo, cresceram 25%. Nos granéis sólidos, destaque para o desembarque de malte e cevada, que cresceu 21%, e de fertilizantes, 12%”.

Após um 2020 conturbado em virtude da pandemia do Corona vírus, conseguimos perceber uma retomada nas movimentações de importações de fertilizantes no mercado brasileiro. A Efficienza Negócios Internacionais atua no ramo do comércio exterior há mais de 25 anos e possui especialistas prontos para sanar todas as suas dúvidas referentes aos trâmites para suas importações e exportações.

Fontes: https://www.canalrural.com.br
https://www.globalfert.com.br

Autor: Vitor de Oliveira Rigon